Blocos de Paraty se organizam para brincar o carnaval como antigamente

Mesmo com a cidade lotada de turistas, ainda é possível identificar tradicionais foliões em meio a uma invasão de ilustres desconhecidos.

Acervo - Zezito FreireSabe-se que, desde a década de 1920, Paraty tem tradição em Carnaval de Rua. As Bandas Lira da Juventude e 25 de Dezembro faziam a alegria dos foliões de antigamente. Segundo eles, lá naquele tempo já existia desfile de mascarados com fantasias variadas, segurando adereços que hoje estão até fora da moda, como lanternas de papel crepon e bexigas de cera cheias de água perfumada. Bloco dos Tenentes, o Bloco dos Fenianos e o dos Democratas cantavam músicas cujas letras faziam crítica aos acontecimentos políticos locais e nacionais.

Hoje, o Carnaval de Paraty ainda mantém muitas das características tradicionais. A lei é divertir e se divertir, então, a alegria faz a hora nas ruas Centro Histórico. Além dos famosos Blocos de Baterias e da Lama, muita gente da cidade não perde a oportunidade de aderir à festa de Momo.foto cedida pelo grupo Com uma história e muita criatividade, os Assombrosos do Morro (foto abaixo) e Os Caras de Pau produzem  incríveis fantasias e máscaras de papel maché até hoje. O Bloco da Pantera 100% Cor de Rosa vende abadá para a galera sair toda igual.

Travestidos de mulheres, os integrantes da Banda Santa Cecilia, Bloco das Piranhas, Bloco das Virgens e Peroba Rosada costumam se reunir horas antes na casa de um deles para se arrumar e encher a cara de “coragem”.  Blocos do Ônibus e Nega Maluca nunca perdem o humor. Sempre criativos e irreverentes, arrancam aplausos e fiu-fius dos fãs e do público em geral.

Nos últimos anos, surgiram a Turma do Funil, Arrastão do Jabaquara e Tarja Preta, sinal positivo no índice de entusiasmo do paratiense. Por isso, se quiser correr atrás dos blocos, fique atento(a) à programação relâmpago pelas redes sociais. O organizador da Peroba Rosada (foto acima), Ney da Capoeira, já deu o alerta “vermelho” aos integrantes e simpatizantes: o bloco sairá na noite de sexta feira e vai apagar a velinha na comemoração de sua maioridade (18 anos de folia).

Clique aqui e veja a Programação Completa.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


× oito = 72