Paraty fecha o turno em 1º lugar no Sub 17 de Futebol da Costa Verde

Paraty 5 x 0 Rio Claro

A Seleção de Futebol Sub 17 da Liga Desportiva de Paraty entrou em campo no Sábado à tarde para receber a Seleção da Liga Rio-Clarense de Desportos pela última rodada do primeiro turno do Campeonato de Ligas Municipais da Região da Costa Verde. Um jogo que reuniu duas equipes com desempenhos completamente opostos.

por Flavio de Souza

Enquanto Paraty entrava em campo com a responsabilidade de manter a invencibilidade, Rio Claro vinha em busca da primeira vitória e no primeiro tempo a equipe da serra até que correu bastante para reverter o quadro, criou jogadas de ataque e obrigou o goleiro Otávio do time paratiense a praticar algumas defesas. Mas aos poucos foi prevalecendo a técnica dos jovens do litoral. Com um gol do atacante Marone, Paraty foi para o intervalo ganhando por 1 a 0. Veio o segundo tempo e a superioridade do time da casa prevaleceu. Marone marcou mais 2 gols, Raife e Alex Júnior decretaram a goleada. Seleção de Paraty 5, Seleção Rio-clarense 0. Um primeiro turno fantástico dos paratienses com 100% de aproveitamento. –  Não podemos achar que já ganhamos. O segundo turno vem aí e vai ser difícil, todos os adversários vão querer parar Paraty. Temos que nos preparar ainda mais – diz o atacante Marone, artilheiro do Campeonato Sub 17 com 7 gols.

O centro-avante Raife e o meio campo Gabriel afirmam: O segredo para continuar somando pontos é encarar cada jogo como se fosse uma decisão. Agora que chegamos até aqui, não podemos perder o foco. Na equipe de Rio Claro era notável a lamentação pela fraca campanha até o momento. – Agente sabia que ia enfrentar um time forte, até porque eles estão embalados na competição;  venceram todos os 3 jogos que disputaram e ainda tivemos que encerrar o turno, jogando na casa deles; só não esperava uma goleada como essa, mas não deu… – comentou o camisa 10 de Rio Claro Ramonzinho, consolado pelo companheiro João Pedro.

Para o técnico Moisés Miranda, um dos motivos para explicar a última posição na tabela é a dificuldade em reunir o grupo para os treinos: parte dos jogadores é de Lídice ou de outras regiões, não moram exatamente em Rio Claro; fica difícil dar entrosamento ao time. Vamos trabalhar para resolver a questão dos treinos e dar seqüência no campeonato com melhores resultados. Segundo o Presidente da Liga Desportiva de Paraty, José Henrique Neto, a meta é dar o mesmo apoio para a garotada também no segundo turno. Vão ser 3 jogos fora de casa e 1 aqui em Paraty. Não vai ser fácil, mas vamos continuar trabalhando sério, buscando alternativas para superar as barreiras, principalmente no que se refere ao alto custo com as viagens, alimentação, arbitragem, mas não é por isso que vamos desistir, temos muita confiança nesse time e temos certeza que esses meninos ainda vão nos trazer muita alegria, disse o Presidente da Liga.

Imagem: Urubatan Porto

Neto, que também é Coordenador das Ligas Municipais da Região da Costa Verde, ressalta o trabalho, sem remuneração da comissão técnica, representada pelo técnico Josias Barros, o Auxiliar Técnico Sidnei de Oliveira, o Preparador Físico Jerônimo Ennes, o Roupeiro Jorge e o Fisioterapeuta Luis Fernando, e agradece o importante apoio da Polícia Militar, representada na Região pelo Tenente Samir do Comando de Mambucaba, da Guarda Municipal de Paraty e da Secretaria de Saúde que cede a ambulância e os profissionais de saúde que ficam de plantão no estádio, exigências da Federação de Futebol do Rio que se não forem cumpridas de nada vale ganhar o jogo, pois o time corre o risco de perder pontos na tabela ou até ser eliminado da competição, completa o Presidente da LDP.

Destaque: Apesar da goleada sofrida, é importante reconhecer que em nenhum momento o time de Rio Claro apelou para jogadas violentas e deu um bom
exemplo de que no esporte é preciso aceitar a derrota para não tirar o brilho do espetáculo. Parabéns aos jogadores Rio-clarenses pelo belo
exemplo no futebol.

Paraty: Otávio; Iago; Toró; Iuri (Alex Júnior) e Tawan (Rafael Alves); Gabriel, Mathues, Lucas (Marcel) e Alex Paulo (Igor); Marone e Raife
(Bruno). Técnico: Josias Barros.

Rio Claro: André; Maicon (Matheus); Murilo (Juan); Nem e Lucas (Paulo Vítor); João Pedro (Paulo Cesar); Luis Paulo; Ramonzinho e Daniel; Caio e
Heitor (Leonardo). Técnico: Moisés Miranda.

Arbitragem: Márcio Rodrigues Silva. Auxiliares: Aguinaldo Fernandes Vieira e Ideci Soares da Silva. 4º Árbitro: Leonardo Santos Ferreira

3 Responses to Paraty fecha o turno em 1º lugar no Sub 17 de Futebol da Costa Verde

  1. Parabéns ao time , e que continue sempre asim dando apoio a esses jovens .

  2. Bola para frente Paraty, com garra e a alegria de jogar bola …

  3. Mais uma vitória e dessa vez com autoridade. Valeu jovens paratienses, vamos continuar acreditando porque é possível…

Deixe uma resposta para Edmilson dos Santos Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


nove − = 4