Circuito OFF – FLIP 2013 terá mais de cem escritores em Paraty

Edição 2013 do Circuito OFF inova com duração de 2 semanas reunindo em Paraty mais de 100 autores e artistas em mesas de debates, saraus, concertos entre outras atividades.

CIRCUITO PARALELO DE IDEIAS – OFF FLIP – Julho de 2013 

Lançamento da biografia Magnífico Sivuca Maestro da Sanfona; a Mesa de debate sobre Ilustração em Literatura Infantil; o escritor Paulo Valente, filho de Clarice Lispector e o ilustrador Kammal João; Contação de histórias e terapia; as Festas Literárias Brasileiras em discussão; projetos literários e as leis de incentivo; Haikai e latinidade; a Caravana de Escritores; os vencedores dos Prêmios OFF Flip e SESC de Literatura; a Mesa de debate sobre a Ditadura Militar no Brasil com os autores/jornalistas Cristina Chacel e Bernardo Kucinski; o Ciclo de Filmes ‘Podres Poderes’; Ilhavo-Paraty, ponte cultural luso-brasileira; o Café Literário da OFF; as coletâneas do Selo OFF Flip; a Gastronomia Sustentável de Paraty; as editoras Escrita Fina, Rocco, Zahar; os e-books e plataforma de autopublicação guiada da KBR; África nos livros em debate; Literaturas em língua portuguesa; o Sarau Saravá; performances do grupo Abeporá das Palavras, do Amapá; a Picareta Cultural; lançamentos de livros, recitais poéticos, saraus, sessões de autógrafos; teatro: Memórias de Trindade e Graciliano Ramos, concertos musicais, espetáculos de dança e muito mais – no site do evento.

 

Este ano a OFF FLIP recebe três autores na Caravana de Escritores da Biblioteca Nacional: Carla Nobre (AP), Marilia Arnaud (PB) e Sérgio Bernardo (RJ), com uma programação de debates, leituras e lançamentos.

Haverá também um debate sobre as festas literárias brasileiras e a Caravana de Escritores com a presença de Carla Nobre (FLAP – Feira do Livro do Amapá), Carlito Lima (FLIMAR – Festa Literária Internacional de Marechal Deodoro/AL), Ninfa Parreiras (FLIST – Festa Literária de Santa Teresa/RJ), Ovídio Poli Junior (OFF FLIP) e Suzana Vargas (Caravana de Escritores/Biblioteca Nacional)

A Casa “Trata-se de Ficção” terá uma variada programação, com destaque para a apresentação teatral Graci, Graciliano. Inspirada em Infância, a peça escrita por Solange Jouvin aborda a relação de Graciliano com o pai e a influência que isto teve na produção do escritor alagoano.

A casa abriga ainda mesas de debates, saraus e performances poéticas como o recital de José Inácio Vieira de Melo (“Aboios e parábolas da Pedra Só”) e as apresentações do grupo Abeporá das Palavras e de outros poetas do Amapá.

No mesmo local, Edna Bueno, Martha Estima e Morgana Masetti estarão no bate-papo de lançamento da coletânea Rio 7×7 (Selo Off Flip), obra que reúne 49 narrativas escritas por sete contistas cariocas, todas ambientadas no Rio de janeiro. O debate terá como mediadores Ovídio Poli Junior (escritor e editor do Selo Off Flip) e Suzana Vargas (escritora e coordenadora da Estação das Letras, onde os contos nasceram em oficina conduzida por Nilza Rezende).

O Selo Off Flip lança ainda dois títulos: o livro de Marilia Arnaud (Salomão, o elefante),  que conversa com o público sobre a arte de escrever para crianças, além da coletânea do Prêmio OFF FLIP de Literatura em formato impresso e digital.

No Café Literário, o escritor Cássio Cavalcante fala de seu livro Bate-papo literal, que reúne entrevistas com personalidades do cenário literário pernambucano. Destaque também para o bate-papo com Godofredo de Oliveira Neto (autor de A ficcionista), Miriam Mambrini (autora de Ninguém é feliz no paraíso) e Rafael Sperling (autor de Festa na usina nuclear), com mediação de Valéria Martins.

Também no Café Literário, Ovídio Poli Junior em uma entrevista descontraída com uma figura emblemática da cena cultural alagoana. Um certo capitão Carlito – a trajetória de um ex-capitão que aos 61 anos tornou-se escritor, criou uma festa literária na terra de Graciliano e está lançando seu mais recente livro de crônicas:  Almoçando com Nery na casa do Moreira e mas 41 histórias do velho capita.

A arte de escrever e ilustrar para crianças será tema de debate no SESC Paraty com a presença de Paulo Valente (filho de Clarice Lispector e autor das obras O leão de tanto urrar desanimou e Pedro e a onça), Letícia Pires (autora de Clarice vê estrelas) e o ilustrador Kammal João, com mediação de Ana Martins Bergin.

O novo cenário criado com os livros digitais será discutido no SESC Paraty por Camila Cabete (Kobo Brasil), Noga Sklar (KBR), Ovídio Poli Junior (Selo Off Flip), Paula Cajaty (Jaguatirica Digital), Ricardo Garrido (iba) e Tatiana Jacobina (Singular).

Destaque também para o sarau com os vencedores do Prêmio OFF FLIP de Literatura e para o bate-papo com os vencedores do Prêmio SESC de Literatura, que acontecerão na TENDA do SESC.

Na Conversa de Botequim, a presença do coletivo Bar do Escritor e de Leo Gonçalves, que em performance traz alguns dos seus poemas mais recentes. No mesmo local haverá um encontro com Cristiano Diniz, (autor de Fico besta quando me entendem, livro de entrevistas com Hilda Hilst) e um bate-papo sobre literatura e futebol com Luis Maffei, Marcelo Paes e Fernando Miranda.

Uma delegação de 15 poetas do Amapá terá uma programação de destaque no evento (participando de mesas de debate, saraus, recitais e lançamentos).

O caldeirão cultural da OFF FLIP terá ainda exposições, mostra de filmes, rodas de estórias, apresentações teatrais e musicais que se estendem até o dia 13 de julho. Os eventos da OFF FLIP são gratuitos e acontecem em vários locais da cidade. O Circuito OFF FLIP é um convênio entre a Associação Viva Paraty e a Prefeitura Municipal. A programação completa está no site www.offflip.paraty.com.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


− 1 = quatro